5 de novembro de 2008

Menos é mais até no futebol, quer dizer, no futsal

Pois é gente. Meu interesse pelo futebol brasileiro não é grande, mas quando tinha jogo da seleção brasileira de futebol em copas do mundo eu parava junto com o universo.

Mas o que é demais acaba subindo à cabeça, principalmente dos jogadores que inflam demais, ganham ($$) demais, barbarizam demais, amam a camisa de menos e, conseqüentemente, jogam de menos, decepcionando os fanáticos por futebol, o esporte em questão.

Aproveitando esse novo momento do futsal, a Talent criou uma campanha legal para a Topper, que é quem veste a seleção brasileira. Esses sim, dão orgulho pela raça com que vestem a camisa, apesar de não terem salários milionários como os garotos do futiba de campo.

Confere ae a chapuletada no pé do ouvido que dá essa mensagem. rs









Imagens via CCSP

Um comentário:

Bakudan disse...

Vi lá no Clube também, e a que gostei mais foi a do salário.
hehe, muito bom.
Tiro no pé mesmo.